Estranhos Visitantes

Sem que os bons cidadãos de Clint City o saibam, personagens enigmáticas chegam à cidade.
Enquanto o misterioso Aniki é recebido no aeroporto pelo clã Montana, Numar surge das profundezas do oceano para se juntar aos Ulu Watu. Será que conseguirão integrar-se à população local? Certamente melhor que Qubik, o robot musical de Nobrocybix, ou Wurmhol, o verme gigante cuspidor de ácido de Astrid.

ANIKI – Montana

aniki

Quando o irmão mais velho foi morto por um polícia de Clint City em missão no seu país, Aniki jurou treinar até conseguir vingar-se. Demasiado impetuoso para o kung-fu, tornou-se num perito da catana e das grandes armas. Os Montana prometeram auxiliá-lo na sua busca em troca de alguns serviços e as primeiras pistas parecem levar ao clã dos Sentinel…

NUMAR – Ulu Watu

Filho de Naliah, rainha do povo anfíbio dos Aquanis, e de um marinheiro de passagem (há quem fale de Smokey Cr…), Numar decidiu, ao atingir a maioria, explorar o mundo da superfície para ver se tudo era realmente como na sua série preferida: Pânico em Clint Beach! Após algumas dificuldades de integração, juntou-se muito naturalmente aos Ulu Watu.

QUBIK- Junkz

No início, Qubik era apenas a aparelhagem portátil hiper sofisticada de Nobrocybix. Mas é claro que não quis deixar de a melhorar, depois de lhe criar uma inteligência artificial capaz de fazer mixes tão bons como os de um ser humano (felizmente, DJ Korr não é um simples ser humano)… Os canhões sónicos são apenas um pequeno bónus para as lutas dos Junkz.

WURMHOL – G.H.E.I.S.T

O crescimento dos vermes de Astrid é uma etapa muito delicada, a vigiar de perto. Quando Wurmhol estava na sua cuba, Astrid foi detido por Dayton por ter deteriorado o passeio onde os respectivos vermes faziam as suas necessidades. No tempo que decorreu até ser libertada, Wurmhol ficara demasiado grande para ser trazido pela coleira! Assim, ela deixa-o patrulhar sozinho os esgotos, onde come tudo o que se mexe.

 

Boas pessoal vip, vamos lá a mais umas cartas novas!

Aniki, uma carta a juntar-se a edd e a donnie como 4* dos Montana, ainda que sendo a mais fraca das 3. O poder não é mau de todo, mas já existem várias cartas com o poder vingança no clã, o que se pode tornar problemático na hora de jogar. Os seus danos são bastante razoáveis e a pouca potência é compensada pelo poder e bónus.

Numar, muito provavelmente a carta de 4* mais sólida dos UluWatu, pelo menos para elo! O ponto fraco é sem duvida o seu dano, mas o poder de “+2 vida” vem colmatar este pequeno senão, podendo fazer uma diferença de 6 de vida! A juntar aos magníficos 10 de potência tornam-na uma óptima carta.

Qubik, a carta da semana 7/5 com SOA, não será indiscutivelmente a carta do clã visto que os junkz já possuem óptimas cartas de 4*, mas veio para discutir o lugar com rowdy e gibson.

Wurmhol, mais uma carta 2* para os gheist, e esta foi criada claramente para perder, de modo a activar o seu poder. Mas será assim tão óbvio ou os 7 de potência estão lá a fazer alguma coisa? O urban rivals está cada vez mais estratégico e esta carta pode ser ideal para alguns jogadores.

Fiquem bem, e bom ano a todos!

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s